Total de visualizações de página

domingo, 22 de outubro de 2017

ZÉ GATÃO PADA E A 4º FEIRA ASGARDIANA.



A Feira Asgardiana aconteceu ontem (sábado). Foi o quarto evento promovido pelo Orlando Oliveira, dono da banca Guararapes; neste dia um pequeno trecho da Avenida Guararapes (centro de Recife) é interditado para se tornar Asgard e o próprio Orlando se tornar Odin, num espaço para cultura nerd. Mesas são espalhadas na rua e artistas expõem seus trabalhos, divulgam, fazem caricaturas ao vivo, outros vendem gibis novos e usados (uma mesa em particular vendia gibis raros a 2 reais! O Arnaldo Luiz, integrante da PADA comprou cinco revistas do Tarzan (Ebal) com desenhos do Russ Maning a preço de banana! Aqueles álbuns gigantes do Flash Gordon da Ebal a 25 reais!!!! - e eu sem grana pra completar a coleção!), canecas, mirabilias, posters, enfim, um paraíso, apesar do calor, para os fãs!

O desenhista e a Michelle Ramos, do canal Zine Brasil.

Eu, na verdade só fiquei sabendo deste evento quando se deu a terceira edição. Como não recebi nenhum convite formal e tenho muito trabalho para fazer, nem tinha intenção de ir à quarta - meu misantropismo fica cada dia mais exacerbado a medida que envelheço - mas recebi ligação do Milson Marins esta semana informando que a PADA ( Produtora Artística de Desenhistas Associados) iria reimprimir o especial do Zé Gatão que eles editaram em 2011. Para mim foi uma excelente notícia pois este álbum esgotou rapidamente na época em que foi lançado. O Milson me convidou a comparecer para prestigiar o festival. Fui de bom grado, a turma de quadrinistas daqui são pessoas muito legais e seria bom para mim sair um pouco do meu estúdio.
Conversei um tanto com uns chegados, assinei três livros, tirei algumas fotos a pedidos e fui entrevistado por um canal geek do Youtube. Foi uma tarde legal.

Enfatizo que o Festcomix de São Paulo também começou como um evento de rua bancado pela Comix, hoje se tornou um festival de grandes proporções. O daqui, quem sabe não está destinado à grandeza semelhante? Tudo é possível.


Esta nova edição do Zé Gatão Especial PADA ficou no capricho: papel e acabamento melhor além de páginas extras coloridas com as fanarts que fizeram do personagem ao longo do tempo. Tenho orgulho deste trabalho.




8 comentários:

  1. Que bacana, Eduardo!
    Deve ter sido uma tarde muito agradável!
    Parabéns pela reimpressão do seu "Zé Gatão"!
    Abraço fraterno,
    Lúcio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado, caro Lúcio!

      Sim, foi bom rever uns amigos e uma reimpressão de um álbum esgotado é revigorante.

      Abração!

      Excluir
  2. É ele! É o da corrente! Guarda um pra mim, Schloesser!

    ResponderExcluir
  3. infelizmente não pude ir, mas fiquei muito feliz em saber que você foi e, mais ainda, em saber que o Milson conseguiu na unha e na garra fazer a reimpressão dessa edição!
    Bom demais!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, eu estranhei não te ver por lá, você fez falta e eu estava doido para ver o seu Fausto, mas fica para uma outra oportunidade.

      Foi uma tarde interessante, mas eu confesso que não estava me sentindo bem, crise de labirintite, mas disfarcei e ninguém percebeu.

      Esta reedição do Zé Gatão PADA ficou muito bonita!


      Abração!

      Excluir