Total de visualizações de página

segunda-feira, 3 de abril de 2017

LOGAN.

Cansaço de fim de domingo. Foi um dia agradável - de trabalho - como sempre, mas bem produtivo. Concluí uma arte que precisa ser enviada amanhã pela manhã para a editora pois o livro entra em gráfica na terça-feira. Isso não muda nunca, um valor baixo (sempre vou reclamar disso) para uma ilustração que tem que ser executada a toque de caixa com o padrão Schloesser de qualidade. Mas tudo bem, é o que tenho no momento e preciso ser grato a Deus por conseguir pagar minhas contas com a única coisa que presto para fazer.

Não pude mais ir ao cinema, mas a curiosidade de assistir ao último filme do Wolverine foi tanta que assisti pela internet numa qualidade de imagem e de som bem sofrível. Mas sabem, valeu a pena. É um bom filme, Gostei! Claro, está muito longe de ser aquele filme de super-heróis que sonho em assistir, acho mesmo que nunca farão um filme como são os quadrinhos. São universos e linguagens diferentes embora um beba na fonte do outro, mas acho que idealismo e cores são mais aceitáveis nos gibis do que nos fotogramas. A Marvel  tem chegado bem perto com suas produções. Até agora tenho me divertido bastante, torcendo meu nariz apenas para Homem de Ferro 3,  ainda assim tem momentos interessantes. Não posso dizer o mesmo da DC, infelizmente; Batman x Superman pra mim foi uma bomba e o Esquadrão Suicida eu gostaria muito de esquecer que assisti, mas é difícil ignorar um filme tão ruim, só não foi pior por causa do Batman, um personagem que sempre tem algo a dizer, mesmo que não abra a boca.

Eu sempre gostei do Wolverine, cara turrão, atormentado, pavio curto, muito inteligente, que luta para que sua natureza animal não sobreponha à sua humanidade. O Logan dos cinemas me aborreceu a princípio, muito alto, o que descaracteriza o personagem, o herói das HQs é baixinho, bem musculoso e peludo, que ouve e sente aromas como o animal que lhe empresta a alcunha. O das telas tem seu um metro e noventa e é bem mais contido. Mas com o tempo a simpatia e esforço do Hugh Jackman me fizeram aceitá-lo, afinal a gente tem que pensar que  personagens transpostos para uma outra mídia é apenas uma versão diversa. O problema é quando não conseguem manter o mesmo espírito e isto não aconteceu de todo com o Wolverine, na minha opinião.

O primeiro filme dos X-Men é bem razoável, o segundo já melhora bastante, o terceiro deixa a peteca cair. "Primeira Classe" é muito legal (embora o carcaju só apareça numa rápida cena), "Dias De Um Futuro Esquecido" se  esforça e quase chega lá e "X-Men Apocalipse" é uma bosta. Dos filmes solo do Wolverine é melhor nem mencionar o Origens, o Wolverine Imortal (de onde tiraram que ele é imortal? Ele apenas envelhece mais devagar) eu gosto da primeira metade do filme.

Logan, filme que marca a despedida do Jackman do personagem é bem legal, tem suas falhas (e como tem!) mas penso que os acertos pesaram positivamente na balança. Um filme violento, com sangue e mutilações (filme do Wolverine em que ele não decepa membros? Tá de brincadeira!) Esse até pesa nas tintas, mas o mérito dele não está nisto. É um filme triste, que fala sobre velhice e decadência e empurra o dedo na ferida. Charles Xavier sofrendo de doença degenerativa do cérebro, Wolverine perdendo o fator de cura e tomando ibuprofeno. Mistura de faroeste, road movie com super-herói. A mistura me agradou. Deixa um gosto amargo na boca.

                                                           LONGA PAUSA....

A queda na internet não permitiu concluir a postagem ontem (domingo a noite), termino agora.

Tenho vivido dias tormentosos e vou envelhecendo sem a certeza de que o bonde que perdi um dia vai passar de novo (acho que se passar que vai estar lotado). Um filme como Logan cai como uma luva para mim. É como quando você está mal do fígado e toma um chá de boldo para ajudar a vomitar. É desagradável mas alivia um bocado.

O rabisco de hoje faz parte do que eu costumo chamar de Meu Crazy Sketchbook.


12 comentários:

  1. Gostei das abóboras halloweenescas, Schloesser. Quanto ao chá de boldo, vou passar longe. Prefiro Deadpool pra desopilar o fígado. Experimente. Pode te fazer bem. Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Deadpool realmente desopila (um personagem que acho chato nas HQs ficou bem no cinema - bem fiel aos quadrinhos, aliás!).

      As abóboras fazem parte das artes que comporão o Anatomia de Seres fantásticos, à sair um dia. Obrigado.

      Abração.

      Excluir
  2. Realmente, as 2 trilogias dos X-Men pecaram por seus terceiros filmes. Embora muitos tenham apelidado de " Wolverine e Seus Amigos X-Men".

    Os do Wolverine só me agradaram no início, mas da metade em diante é uma queda num penhasco e sem paraquedas.
    Hugh Jackman só pegou o papel por substituir outro ator, sabia? Pelo que vi em suas visitas ao Brasil e em entrevistas, mostrou-se muito gente fina.

    Não vi Logan, ainda. Só os trailers, fotos e cartazes.

    Já que gostou (que nem eu) do filme tresloucado do Deadpool, recomendo (caso não tenha assistido), Kingsman- Serviço Secreto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o Jackman substituiu aquele ator que fez o vilão de Missão Impossível 2 (me deu um branco agora em relação ao nome do cara). Eu assisti Kingsman - Serviço Secreto e gostei bastante, mas valeu pela indicação.

      Abraço.

      Excluir
  3. O ator que seria o Logan é o Dougray Scott.

    E Kingsman vai ter continuação este ano, com o subtítulo O Círculo Dourado, caso não alterem a tradução pro lançamento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso, Anderson, Dougray Scott! Esse moço mesmo! Muitos acham que seria um Logan melhor que o Jackman, não sei; não dá pra saber. Na minha opinião quem ficaria bem como Wolverine, pelo menos nos anos 90, era o Glen Danzig, vocalista da banda de metal Danzig e amigão do artista Simon Bisley. O Glen é baixo e musculoso e além disso, fã do personagem, só não sei se seria um bom ator, algo me diz que não.

      Sobre a continuação de Kingsman, na espera pra conferir.

      Excluir
    2. Eu soube do interesse do Danzig numa matéria da Herói Gold 28 (1995), com o título "Ele quer ser o Wolverine no cinema". Foi dito que ele criou uma editora de comics, a Verotik, chamando Bisley pra desenhar um personagem chamado Death Dealer.

      Excluir
    3. É, eu tenho algumas dessas edições da Verotik com desenhos do Bisley, histórias bem violentas. Um quadrinho diferenciado bem legal, pena que não durou muito. O Death Dealer, assim como o Jaguar God, foram personagens criados pelo Frank Frazetta para uma série de pinturas e foram licenciados pelo Danzig para fazer parte da galeria de personagens da editora dele. Material bacana e de forte cunho erótico. Agora se ele daria um bom Wolverine a gente nunca vai saber.

      Excluir
  4. Olá, Eduardo! Eu consegui ver com a Graça o filme do Logan, e também gostei. Nunca é perfeito, como vc disse, mas creio que talvez seja pedir demais. Pena que vc não conseguiu ver no cinema...mas devo dizer, quando as luzes se acenderam, olhei pra Graça e disse: pronto, já vimos esse e tiramos da reta. É um sentimento meio estranho, pois não me senti super empolgado. Depois tive um pequena vontade de rever, mas não o fiz.(as coisas estão apertadas por aqui também).
    Um boa semana pra vc e a Verônica.
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Gilberto, falta de tempo e principalmente falta de grana me impedem de curtir um dos únicos prazeres que tenho na vida que é ir ao cinema (acredita que gosto de ir sozinho?), hoje tem a internet que supre esta lacuna, ainda que de forma canhestra, sinceramente não aprovo a pirataria, mas para quem não tem de 30 a 100 reais (sim, com o lanche do shopping, incluído) para gastar num único dia é a única opção, já que os DVDs e Blue Ray também estão o olho da cara. No dia que o cinema voltar a ser uma forma popular de diversão, com preços acessíveis, talvez este tipo de crime caia.

      Eu gostei do Logan por me identificar com o personagem neste momento da vida. É a prova de que é possível equilibrar bem um filme mais sério com um tema juvenil. A perfeição neste gênero nunca será encontrada, nem o badalado Cavaleiro Das Trevas do Nolan é isso tudo, na minha opinião.

      Retribuo os votos pra você e pra Graça, meu amigo.

      Forte abraço.

      Excluir
  5. Olá Edu

    Today I can not talk much. I liked the first fim. I'm strange but I really like the first in all films. I do not like what follows. Your image is as grand as your entire art. I love everyone. I wish you a nice week and look forward to next Sunday with your new contribution
    Muito abraços

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Thank you for your visit and comment, my dear friend Mira.
      I hope to be alive for the next post I can not even imagine what it will be, I never plan. The text comes out on time and depends a lot on my state of mind.
      Big hug and good week.

      Excluir