Total de visualizações de página

quinta-feira, 14 de julho de 2011

SANGUINEA.


Amadas e amados, voltei.
Espero estar aqui com mais frequência. Estes últimos dias tem sido particularmente complicados, as vezes o trem sai dos trilhos e recoloca-lo é uma questão de paciência, esforço e tempo. O meu está de voltando aos poucos.

A arte de hoje é uma sanguinea antiga que fiz para um dos cursos de desenho (parte que trata de anatomia). Foi uma sugestão do editor, inclusive mandaram o modelo a ser retratado. Por motivos que desconheço, acabou não sendo publicada. Mas fica aqui o registro, embora esteja longe de ser um dos meus trabalhos preferidos.

Meus esforços estes dias tem sido todos direcionados para as ilustrações do livro "Memórias De Um Sargento De Milícias". Me pergunto se voltarei a ter tempo para meus projetos pessoais. Estão todos parados, inclusive a biografia do Edgar Alan Poe, que não chega a ser um trabalho particular (pois foi encomendado), mas me entusiasmei tanto com ele que lamento profundamente que ninguém me pague para dar continuidade. Fico prometendo a mim mesmo todos os dias, tirar um tempinho a noite para tocar estas coisas devagar, mas o cansaço não permite, e são tantas pequenas e aborrecidas coisas que surgem ao longo do dia que minam a vontade no final do expediente.
Este é o problema deste tipo de profissão, o sucesso, se é que posso chamar assim, muitas vezes chega tarde, quando a resistência de outrora não é mais a mesma. Eu pensava que quando tivesse uns 50 anos (tô quase lá), poderia relaxar depois de tantos rabiscos, mas me vejo obrigado a trabalhar mais que nunca, afinal algum reconhecimento só está chegando agora, e com ele as encomendas. Felizmente tenho dois álbuns inteiros do Zé Gatão para publicar (além do amargoso "Phobos e Deimos"). Era um tempo em que eu não era casado e morava com meus pais. Mas hei de concluir algumas obras paralisadas, se Deus quiser.

Devo estar precisando de óculos, só assim para explicar a irritação nos olhos e esta cefaléia onipresente. E o dia de voltar ao dentista se aproxima (alguém me acuda!).

Está chegando também o dia do lançamento do álbum do Zé Gatão pela P.A.D.A.
Novidades no http://www.prismarte.com.br/pada/?p=918 

Nos vemos amanhã? Combinado então, estarei aqui se o bom Deus permitir.

2 comentários:

  1. Fala, Eduardo! É. A vida de desenhista não é mesmo fácil. Ainda bem que há um movimento de reconhecimento de seu trabalho. Esse lance da vista é inerente à nossa idade, pois eu tb estou com problemas idênticos. Têm dias que mal consigo ler quadrinhos! É um dos ítens de minha agenda de saúde. O outro, visita ao dentista, fiz alguns meses atrás. Ufa! É terrível, mas necessário. Precisamos nos cuidar.
    Ótimo final de semana pra vc e a Verônica.
    Abração,

    ResponderExcluir
  2. Oi, Gilberto, tudo bem com você?
    Rapaz, esse negócio de reconhecimento do trabalho, tá chegando muito devagar, vamos ver se com a publicação dos novos álbuns do Zé Gatão, isto acelera um pouco o processo. Preciso dar um tempo pra minha cabeça, senão vou pirar.
    Quanto a saúde, vamos nos cuidar.
    Grato pela visita e comentário.
    Bom final de semana pra você e pra sua menina também.
    Abração.

    ResponderExcluir