Total de visualizações de página

segunda-feira, 14 de março de 2011

ACHADO ARQUEOLÓGICO.


Postei aqui faz tempo, alguns textos a respeito de várias HQs eróticas que fiz no passado.
A Opera Graphica pretendeu lançar um álbum coletando todas estas "pérolas". Lógico, a coisa não passou da boa vontade dos editores. Não posso culpa-los. A verdade é que o mercado nunca foi lá muito promissor para o quadrinho nacional. Some-se a isto o tema no formato livro, e você terá um número bem restrito de leitores. Criei para o dito álbum, capa e uma série de pin ups, além de texto introdutório (e uma entrevista que o Franco de Rosa fez comigo), e como já foi dito, não rolou.
Na época fiquei meio desapontado pela coisa não ter saído do papel, mas hoje pensando bem, pode ter sido melhor assim. Salvo algumas partes das narrativas, não é um material do qual me orgulhe, e não digo isto pelo gênero em si, mas eu poderia ter caprichado mais nos roteiros e principalmente nas artes. Costumo dizer que cada trabalho reflete um período da vida do artista. Dependendo do tempo e disposição a obra pode ficar comprometida. Ou isto pode ser apenas uma bela desculpa para minha incapacidade naqueles dias, sei lá.
Bem, o fato é que meio sem querer, eu encontrei um CD onde eu havia gravado alguns desenhos para o álbum, e até um protótipo de capa. Claro, algumas cenas mais picantes terão que ficar de fora.  Considero isto um verdadeiro achado, pois na verdade não sei onde estão os originais, talvez nem existam mais.
O desejo por parte de editores em lançar este material no futuro ainda existe. Se vai acontecer, só o tempo dirá.
Não sou cretino para negar ou impedir, só que da minha parte eu não farei força para que aconteça.





Nenhum comentário:

Postar um comentário