Total de visualizações de página

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

ZOO DOIS, MAIS UMA VEZ.


Recebi esta semana (não, minto, semana passada) meu exemplar autografado do Zoo 2 do meu companheiro de tantos anos, Nestablo Ramos Neto.
Rapaz, ler uma HQ tão envolvente, tão bem ilustrada, escrita de forma que te convida a entrar na trama e não largar até chegar a última página, me faz crer que realmente os quadrinhos nacionais vivem um bom momento. Não acho que exista um mercado ainda, mas já falamos disto, né?
Tenho percebido que há uma tendencia em muitos gibis atuais ao traço mais tosco, mais sujo, por assim dizer. Um desenho feito com pincel grosso, quase seco, primário até. Não digo isto com tom de crítica, embora pareça. Trata-se de estilo, de auto-expressão, de dar mais voz ao conteúdo que a forma (embora isto também seja uma bela desculpa para não fazer a coisa direito). Já ouvi pessoas dizerem que estão cansadas do traço certinho, eficaz, querem ver coisas mais "ousadas". Então é natural que uma graphic novel como Persépolis faça tanto sucesso (aliás, não li ainda, tenho curiosidade) e venha no vácuo um monte de coisas duvidosas. Por estas e outras, o Zoo 2 é algo tão legal.
Netão, como costumo chama-lo, critica de forma franca os maus tratos aos animais, levantou esta bandeira e pelo visto vai lutar esta guerra até o fim através do seu belo trabalho, não importando quão difícil seja. E o faz com muito estilo, elegância e bom humor, o que dilui a violência de algumas cenas. Enfim, é um excelente álbum. Recomendo.

E puxando brasa para a minha sardinha, Zé Gatão faz sua pequena (mas eficaz) participação como mostra uma das páginas abaixo. Obrigado pela homenagem amigão.


4 comentários:

  1. Meu grande amigo, Eduardo! fico feliz que tenha gostado tanto do livro, é um trabalho que me dá uma satisfação indescritível! tantos anos trabalhando nele e vê-lo finalmente chegando nas mãos dos leitores e alunos do Brasil é o maior prêmio que um autor possa querer! Já conheço o Zé Gatão a mais tempo que conheço você, tinha de fazer minha homenagem a ele e a você também, meus dois bons e velhos amigos!

    Abração, irmão!!!

    ResponderExcluir
  2. Olha só... um figurante de luxo (muito) conhecido. Imagina mandando um "FECHA O BICO, GAVIÃO BUENO! NÃO ENTENDE DE LUTAS, PÔ!!"
    Hahaha!!!
    A esquilinha eu já tinha visto antes em prévias e... ela também roubou minha atenção. Hahahahehe! Por hoje chega.

    ResponderExcluir
  3. Salve Neto.
    Realmente meu velho, cê tem razão, você conheceu Zé Gatão primeiro, tinha me esquecido disso.
    Abração e sucesso sempre.

    ResponderExcluir
  4. Anderson, cê tá coberto de razão, meu amigo, bem que o Zé Gatão poderia ter dito isso mesmo, afinal na luta do Cigano contra o Cain Velasques, o velho Galvão tava mais por fora que bunda de índio. Fazer o quê, né?

    ResponderExcluir