Total de visualizações de página

terça-feira, 5 de abril de 2011

PAUSA PARA UM UISQUINHO.

Atualmente minha vida como ilustrador está as voltas com tintas, água e pincéis de pequeno e médio porte. Ao todo são nove livros clássicos nesta leva, e a editora me pediu o obséquio de fazer todas as capas primeiro. O lado bom é que adianto logo todo o serviço pesado, podendo me concentrar somente no bico de pena para as artes internas, o que não quer dizer que seja menos trabalhoso. O lado ruim é que normalmente eu tenho por hábito num trabalho deste tipo, deixar a capa por último, quando já estou bem familiarizado com a obra, podendo assim captar a alma da mesma e tentar transpo-la numa única cena que sintetize o que ela quer transmitir. Isto segundo meu dicernimento, é lógico. Como não é o caso agora, me vejo obrigado a passar apenas uma vista d´olhos na história para em seguida pintar aquela cena chave que (penso) ajude a vender a idéia. Felizmente a maioria destes livros me são bem familiares, então não fico como um burro olhando para o palácio. Menos mal.
Meus dias (de calor) tem sido assim, trancado o dia todo no estúdio entre leituras e pinceladas, com pausa para refeições. Estou negligenciando meus exercícios, não é a toa que minha barriga cresce na mesma proporção que meu dinheiro diminui. Quem trabalha com arte há de concordar comigo, ninguém aumenta o valor de uma ilustração. Mas as pessoas que te cobram juros pelo atraso de uma fatura não querem saber disto.
Bem, pra fugir um pouco da rotina, neste último fim de semana, cometi este desenho com o uso mínimo da borracha, só pra me divertir.

2 comentários:

  1. Fala, Eduardo! Bacana o título da postagem, apesar de nunca ter bebido um uisquinho, kkk.
    O desenho ficou mais bacana ainda.
    E puxa, nove trabalhos em andamento é pra tirar fôlego e deixar a mente zureta. Concordo com sua abordagem de querer desenhar as capas apenas no final do trabalho. Mas se a editora quer de outro jeito...
    Abração,

    ResponderExcluir
  2. Sim, um título sugestivo para uma desenho incomum.
    Mas até os heróis precisam relaxar, não é mesmo?
    Pois é, das nove capas, três já foram executadas.
    Pra mim isto é um problema, pois parte do tempo precioso, eu tenho que ficar matutando em como criar a cena, o que normalmente acontece quando vou executando as ilustrações internas. Mas como se diz, "amarro o burro como o dono do burro manda"
    Obrigado e um abraço.

    ResponderExcluir